Rádios On-line
7925
Marcio Atalla

Exame da OAB será disputado por 233 três-lagoenses

Na sétima edição da prova, realizada em maio, índice de aprovação no município foi de 9%

2 SET 2012 - 08h:00Por divulgação

Duzentos e trinta e três três-lagoenses deverão participar do VIII Exame Unificado da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O número de inscritos foi divulgado nesta semana, pela Seccional da OAB de Mato Grosso do Sul (OAB/MS).

Em todo o Estado, 2.281 candidatos inscreveram-se para a prova. Desse total, a maioria é de Campo Grande, que acumula 1.616 inscritos (mais de 50%). Em segundo lugar, com maior número de candidatos, está Dourados, com 432 inscritos. Três Lagoas ocupa a terceira posição entre os municípios com maior índice de candidatos que participam da prova, aplicada pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.

Um dos candidatos de Três Lagoas é o estudante de Direito, Milton Júnior de Almeida Santos, 22 anos. Milton, que já atua como estagiário em um escritório de advocacia do município, tem uma meta: concluir o curso de bacharelado com a carteira da OAB nas mãos. Para isso, ele tem se dedicado bastante. Além das aulas da faculdade, o estudante ingressou, há três semanas, em um cursinho preparatório para a prova. “Antes disso, eu já estudava por conta, em casa. Em média, dedico cinco horas [do tempo livre] para estudar para o exame”, disse.

Porém, um fator tem preocupado o universitário Milton, que iria para o nono semestre do curso, pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS): com o impasse da greve dos servidores federais, a matrícula não pôde ser feita. “Este assunto chegou a gerar polêmica nas redes sociais. Mesmo se eu passar [no Exame da Ordem], corro o risco de não conseguir pegar a carteira, por conta do tempo de matrícula, já que não estou no 9º ano. Apenas na minha sala, são 40 alunos na mesma situação.”

A preocupação tem motivo. Hoje, o Exame da Ordem dos Advogados do Brasil é considerado uma das provas mais temidas por muitos estudantes. Em alguns casos, o candidato tenta por anos até ser aprovado. Na primeira prova realizada neste ano, o VII Exame da OAB, dos 212 inscritos em Três Lagoas, apenas 19 conseguiram a carteira. O resultado deixa Três Lagoas com um índice de aprovação de apenas 9%, índice abaixo da média de aprovação estadual. Em maio, quando a prova foi aplicada, Mato Grosso do Sul teve 2.383 inscritos. Desses, 300 foram aprovados, aproximadamente.

Mesmo com o impasse dentro da universidade, Milton Júnior de Almeida Santos disse que irá participar do exame da Ordem. “A expectativa era passar na prova e, na hora de me formar, colar grau e pegar minha carteira. Agora, tem que ser vista toda essa questão da greve. Mas vou tentar. Depois vou analisar o que poderá ser feito.”

Depois de formado, Milton pretende ficar na área trabalhista, onde já atua como estagiário.

PROVA
A prova do VIII Exame Unificado da Ordem acontece no dia 9 de setembro e 21 de outubro. Segundo a OAB/MS, Mato Grosso do Sul representa apenas 1,94% dos inscritos em todo o país. No total, 117.852 estudantes – que cursam o último ano ou o 9º e 10º semestre de instituições devidamente credenciadas - e bacharéis em Direito estão inscritos no Brasil.

A prova objetiva, composta de 80 questões, será realizada no dia 9 de setembro e deve ser feita no prazo de cinco horas. Já a etapa subjetiva ou prova prático-profissional será aplicada no dia 21 de outubro deste ano e também terá cinco horas de duração.

O edital com local e hora da prova já está disponível no site oficial da OAB/MS. Conforme a ordem, também já se encontra disponível o cartão de informação dos examinandos, no qual eles podem consultar individualmente o seu local de prova. A aprovação no Exame da Ordem é requisito necessário para a inscrição nos quadros da OAB como advogado, conforme estabelece o artigo 8º, IV, da Lei 8.906/1994.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
BAND
7300