Rádios On-line
TRêS LAGOAS

Fábrica de celulose recebe licença para instalar usina termelétrica

Usina de R$ 320 milhões seria instalado em Selvíria, mas empresários resolveram implantar no próprio site

30 DEZ 2018 - 08h:20Por Ana Cristina Santos

A empresa Eldorado Brasil vai instalar uma usina termelétrica em seu próprio site de celulose, em Três Lagoas. Inicialmente, o empreendimento, de R$ 320 milhões, seria instalado em Selvíria, localizada a 70 quilômetros de Três Lagoas. 

Entretanto, de acordo com o secretário estadual de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck, a empresa optou por instalar a usina junto à fábrica de celulose em Três Lagoas. A licença ambiental de instalação do empreendimento estava prevista para ser emitida ontem pelo Instituto do Meio Ambiente do Mato Grossodo Sul (Imasul).

A Usina Termelétrica Onça Pintada, com capacidade de 50MW, vai entrar em operação em 2021. Essa será a primeira usina geradora de energia a partir de biomassa de eucalipto a entrar em operação em Mato Grosso do Sul. Outra usina desse segmento está prevista para ser instalada em Aparecida do Taboado. Para usina de Três Lagoas está prevista a geração de mil empregos.

Essa seria uma nova fase na silvicultura estadual porque vai possibilitar o uso alternativo da madeira. Serão utilizados restos florestais, como folhas, raízes, cascas, demais subprodutos da madeira, que não servem para produzir celulose. 

SEGUNDA LINHA
Ainda de acordo com o secretário, o governo do Estado também estaria liberando a licença ambiental para a instalação da segunda linha de celulose da Eldorado. A empresa já havia recebido a licença, mas como a segunda fábrica não foi construída dentro do prazo, solicitou um novo documento com um tempo maior para a instalação da unidade. “Se a empresa quiser iniciar a segunda fase, ela já tem toda a documentação necessária”, destacou Verruck. 

Deixe seu Comentário