Rádios On-line
9248

Frota de veículos de Três Lagoas é a que mais cresce no MS

De 2007 para 2008 a frota aumentou em 153%, passando de 38 para 96

21 JAN 2009 - 06h:11Por Redação

O crescimento da frota de veículos em Três Lagoas superou a média estadual em 2008. Enquanto o Estado fechou o ano com um aumento de 10,4% no número de veículos circulando, em Três Lagoas o crescimento chegou a 13% em relação a 2007.
De acordo com dados do Departamento Municipal de Trânsito do Estado (Detran-MS), no ano passado, a frota estadual passou de 725.745 para 801.225, o que corresponde a 75.780 veículos a mais. Já em Três Lagoas, o aumento foi de 35.557, em 2007, para 40.051 no ano passado, equivalente a um aumento de 13%.
Nos dois casos, o aumento de veículos foi maior que o próprio aumento populacional. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que em Mato Grosso do Sul houve um aumento populacional de 70.784 habitantes de 2007 a 2008, passando de 2.265.274 a 2.336.058. Os números comprovam que, hoje, no Estado há um carro para cada 2,9 habitantes, a mesma média que segue Três Lagoas – de acordo com o IBGE, em 2007 (último censo), a Cidade contava com uma população de 85.914 mil habitantes.
De acordo com as concessionárias de veículos, o aumento da frota de veículos na Cidade está diretamente ligado ao crescimento do Município. No ano passado, enquanto o mercado brasileiro fechava com o aumento de 12,5% nas vendas de veículos novos, no Município este crescimento chegou a casa dos 25% em relação a 2007.

FROTA

Conforme a Divisão de Estatísticas do Detran, a frota de Três lagoas é composta, em sua maioria, por veículos de passeio: 17.579 em circulação. Em segundo lugar no ranking aparecem as motocicletas. São 15.644 veículos, entre motociclo, motoneta, triciclo e ciclomoto. No caso da motoneta, por exemplo, o aumento da frota atingiu 29% (de 2.483 para 3.196) em 2008. As caminhonetes aparecem em terceiro, com 3.289 veículos, e os caminhões em quarto, com 1.337 unidades.
Mas o maior aumento está relacionado aos utilitários. De 2007 para 2008 a frota aumentou em 153%, passando de 38 para 96. O numero de ônibus e micro-ônibus também aumentou para 305 e 84 veículos, respectivamente.

Sem estrutura compatível, Detran sofre com lotação

No entanto, o aumento da frota também resultou em alguns problemas à Cidade. O maior deles é referente ao trânsito. Os acidentes e as infrações de trânsito aumentaram consideravelmente em um ano. E o problema acaba estourando no pátio da 6ª Agência Regional de Trânsito.
De acordo com o diretor do Detran no Município, Milton Gomes Silveira, a estrutura do órgão é incompatível com a realidade do Município. A lotação no pátio já está gerando transtorno à rotina dos servidores e da população. Sem espaço no pátio, os veículos apreendidos estão sendo deixados na parte interna do Detran, incluindo no estacionamento privado aos funcionários e setores de vistoria e emplacamento. “Hoje, os veículos que vão fazer vistorias ou emplacar são obrigados a dar ré para sair, já que a saída está bloqueada pelos carros”, disse Silveira. E ele completa: “É impossível receber certos veículos. Se a PM [Polícia Militar] resolver fazer mais blitze da forma que aconteceu no fim de semana, não teremos como receber”.
Atualmente, o pátio do Detran abriga parte dos 274 veículos apreendidos (57 carros, 188 motos, 19 motonetas, 4 caminhonetes e outros) – cerca de 50 veículos, destinados à leilão, já foram colocados em um terreno baldio cedido pelo proprietário, ao lado do Detran.
Ainda conforme dados da Agência, do total de veículos apreendidos, 176 já estão no pátio há mais de 90 dias; 55 apreendidos entre 30 e 90 dias, e 43 há menos de 30 dias. O diretor explica que, em dezembro estava previsto um leilão de 56 veículos. Entretanto, além de não ter sido realizado na época, pouco amenizaria o problema de “entupimento”.
“Precisamos de um espaço maior, pelo menos uma quadra destinada apenas ao depósito dos veículos apreendidos”, disse. A realização do leilão de veículos é definida por uma comissão especifica, ligada ao Detran de MS. Até o momento, não há data oficial de quando poderá ser realizado. (RP)

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13