Rádios On-line
NOVO MERCADO

Gás natural atenderá comércio e residências de Três Lagoas

Trabalhadores executam instalação de rede de gás natural no perímetro urbano

10 MAR 2018 - 10h:00Por Ana Cristina Santos

Depois da área industrial, a Companhia de Gás de Mato Grosso do Sul, a MSGás, foca agora os mercados comercial e residencial de Três Lagoas. As duas empresas de celulose da cidade são abastecidas com gás natural, assim como a termelétrica da Petrobras.

A empresa iniciou, no mês passado, a instalação de redes de gás natural para tender o comércio e residências. Atualmente, as obras ocorrem na avenida Filinto Müller. Em seguida, se estenderão para as avenidas Antônio Trajano, Eloy Chaves, Capitão Olintho Mancini, até o Hotel OT, na circular da Lagoa Maior, e nas ruas Duque de Caxias e Monir Thomé.

De acordo com a companhia, o volume médio diário de gás natural distribuído em Três Lagoas, em 2017, foi de 529 mil metros cúbicos por dia para o segmento Industrial; 980 mil m³/dia para a termoelétrica e 0,8 mil m³/dia para outros segmentos.

Ainda segundo a MSGás, a companhia já possui as instalações necessárias para atender a Unidade de Fertilizantes Nitrogenados (UFN3) da Petrobras. “Temos contrato firmado com a Petrobras para a movimentação do gás natural que irá abastecer a planta e, estamos aguardando o andamento do plano de desinvestimento da Estatal e a entrada do novo investidor, com vistas ao início das operações”, informou em nota a MSGás.

CUSTOS
O preço do metro cúbico do combustível, segundo a companhia, varia em função da quantidade consumida, e em efeito cascata. “Quanto mais consumir, menor fica o valor do metro cúbico. Para se ter ideia da diferença do consumo de gás natural para GLP, um condomínio que consome 220 m3 de gás que seria o equivalente a 180 kg de GLP gastaria R$ 688,78, o mesmo consumo, mas usando o GLP, custaria R$ 720,00”, esclarece a companhia. 

Deixe seu Comentário