Rádios On-line
Caminhão de Prêmios Urna Interna
TRÂNSITO QUE MATA

Governo quer criar metas para reduzir número de vítimas em acidentes

Proposta prevê metas que, ao longo de dez anos, possam ajudar a reduzir pela metade o índice

23 DEZ 2017 - 08h:36Por Valdecir Cremon

A cada dez minutos, uma pessoa morre vítima de acidente de trânsito no Brasil. A cada um minuto, outra vítima sofre sequelas físicas. Os dados revelam a urgente necessidade de que União, estados e municípios se juntem no combate a essas tragédias em todo o país.

Para minimizar esses números, foi aprovado na Câmara dos Deputados e enviado ao Palácio do Planalto para sanção presidencial o Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito.

A proposta prevê um regime de metas que, ao longo de dez anos, possam ajudar a reduzir pela metade o índice de mortes por grupos de habitantes e o índice de mortos no trânsito pelo número de veículos de uma localidade.

As metas serão fixadas pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) para cada estado e Distrito Federal, com análise de propostas fundamentadas dos conselhos de trânsito (Cetran nos estados e Contrandife no DF) e do Departamento de Polícia Rodoviária Federal.

Em Três Lagoas, até esta semana, 23 pessoas morreram em acidentes de trânsito - a maioria deles com envolvimento de motos.

Se for sancionada, a lei entrará em vigor 60 dias após ser publicada no Diário Oficial da União.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13