Rádios On-line
PARALISAÇÃO

Greve pode completar um mês com agências bancárias

Bancários de todo o país, inclusive de Três Lagoas, permanecem em greve sem previsão de retorno ao trabalho

1 OUT 2016 - 12h:53Por Ana Cristina Santos

Os bancários de todo o país, inclusive de Três Lagoas, seguem em greve sem previsão de retorno ao trabalho. Neste sábado a paralisação dos bancários chega ao 27º dia. Ontem, estava prevista uma nova rodada de negociação entre bancários e banqueiros, mas a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) desmarcou. 

A greve já é considerada histórica e no próximo dia 6 outubro se não houver um acordo, completará um mês com as agências bancárias fechadas. Os bancários não aceitaram a proposta da Fenaban de 7% de reajuste nos salário e abono de R$ 3,5 mil, agora em 2016, e reposição da inflação, mais 0,5% de aumento real, em 2017. 

Eles reivindicam 14,78% de reajuste salarial, entre outros benefícios.

O Comando Nacional dos Bancários considera insuficiente as propostas, alega perdas para os trabalhadores e orienta que os sindicatos realizem assembleias, na próxima segunda-feira (3) para debater e organizar os rumos do movimento.

Segundo dados da Contraf-CUT, a greve dos bancários fechou 13.254 agências. O número representa 57% dos locais de trabalho em todo o Brasil. Em Três Lagoas, 100% das agências foram atingidas pela greve.

Deixe seu Comentário