Rádios On-line
TRêS LAGOAS

Homem usa empresa em nome da ex, não repassa lucro e é acusado de deixar dívidas

Mulher alega que companheiro repassou apenas R$ 100 após 1 ano de funcionamento de firma

7 FEV 2018 - 11h:14Por André Barbosa

Uma mulher de 38 anos procurou a Polícia na tarde de terça-feira, para denunciar o ex-companheiro por usar seu nome e contrair dívidas, por uma empresa de representação rural. A vítima contou à polícia que, em janeiro do ano passado, teria emprestado o nome para o ex-marido, que mora na rua 13 de Junho, bairro Nossa Senhora Aparecida, abrir uma empresa de representações rural.

O empreendimento fica na Irmãos Cameschi, no bairro Jardim das Oliveiras. Segundo a mulher, ela possui 1% da empresa e até hoje só recebeu R$100 de rendimento. Desde então, passou a sofrer cobranças de escritório de contabilidade, no valor de R$ 3.500 e dívidas tributárias que não soube precisar o valor.

Na ocorrência, vítima afirmou que nunca exerceu controle algum sobre tal empresa e que estaria separada do autor desde novembro do ano passado. Ainda segundo a mulher, seu ex-companheiro continua com atividades da empresa.

O caso está sendo investigado e foi registrado como preservação de direito na 1ª Delegacia de Polícia de Três Lagoas.

Deixe seu Comentário