Rádios On-line

Hospitais e postinhos recebem kits de testes de dengue, zika e chikungunya

4 FEV 2018 - 07h:25Por Kelly Martins

Pela primeira vez, Três Lagoas recebeu kits de teste rápido para dengue, chikungunya e zika. O material foi enviado pelo Ministério da Saúde, sendo seis deles distribuídos para diagnosticar cada uma das doenças. Isso permitirá ao todo 450 testes em pacientes que apresentar algum dos sintomas.

O material está no setor de Vigilância Epidemiologia e deverá ser encaminhado, nesta quinta-feira (1º), para os hospitais Auxiliadora e Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado do Mato Grosso do Sul). 

Os kits também serão enviados para quatro postos de saúde espalhados nos bairros, segundo a coordenadora do Departamento de Vigilância em Saúde, Adriana Spazzapan.

A coordenadora de Saúde explicou que os testes rápidos de triagem, “têm como objetivo investigar a condição imunológica (contato recente ou passado com o vírus) das pessoas que buscam os serviços de saúde”.

Esses testes deverão ser realizados no momento da consulta médica, desde que o paciente atenda à definição de caso suspeito. Entre os demais critérios para a amostra serão observados os critérios de coleta de sangue e o teste, a partir do 10º dia do início da manifestação dos sintomas da dengue.

Para os casos suspeitos de febre de chikungunya, a orientação é a de que o teste rápido e coleta de material para exame normal sejam realizados, preferencialmente, a partir do 7º dia.
Já em relação ao caso de suspeita de doença aguda, contraída pelo vírus zika, é recomendado que o teste rápido seja feito entre o 6º e o 30º dia da data de início dos sintomas.

“Esses critérios citados, juntamente com a avaliação médica de cada caso, são importantes e deverão ser observados para não corrermos o risco de obter falsos resultados”, orientou a coordenadora de Vigilância Epidemiológica por meio da assessoria de imprensa.

Deixe seu Comentário