Rádios On-line
EM ANDAMENTO

Imasul renova licença ambiental para obras de instalação da UFN 3

Petrobras também recebeu a autorização para o uso de recursos hídricos em seis poços da fábrica

6 AGO 2016 - 11h:07Por Ana Cristina Santos

O Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) renovou a Licença de Instalação da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados (UFN 3), da Petrobras. As obras da fábrica estão paradas desde dezembro de 2014, quando a estatal rompeu o contrato com o Consórcio, formado pelas empresas Galvão Engenharia e Sinopec Petroleum.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck, que esteve em Três Lagoas nesta semana, quando assinou e entregou o documento solicitado pela Petrobras, a renovação da licença, com validade por dois anos, é necessária para garantir a retomada e conclusão da fábrica.

Além da renovação da licença ambiental, a Petrobras também solicitou ao Imasul e recebeu a autorização para o uso de recursos hídricos para seis poços da fábrica , com volume de captação anual estimado em 5 milhões e 222 mil metros cúbicos de água. “Sem a prorrogação da Licença de Instalação a Petrobras não poderia continuar as obras. Esse pedido é um indicador de que pretende retomar a fábrica”, disse Verruck, ao Jornal do Povo.

Ainda de acordo com o secretário, em reunião realizada no mês passado na sede da Petrobras, o presidente da estatal, Pedro Parente, garantiu que as obras serão retomadas. “O modelo para a retomada da fábrica, que seria a venda direta para um terceiro, a Petrobras não achou interessante. Agora, estuda a venda compartilhada , em que a estatal manteria uma participação na fábrica. Ficou muito claro nessa reunião que teve também a presença do governador, que a obra será retomada. Acreditamos que nesse segundo semestre se define essa questão”, declarou. 

 

Deixe seu Comentário