Rádios On-line
CONFISSÃO AOS RISOS

Atirador se entrega à PM e conta como matou rapaz de 25 anos em emboscada

Crime ocorreu na noite desta terça-feira em um bairro de Três Lagoas

13 DEZ 2017 - 16h:51Por Valdecir Cremon

Pouco mais de 12 horas após matar a tiros o vendedor Sidney Martins de Oliveira, de 25 anos, em um bairro de Três Lagoas, o desempregado Alef Hugo Faustino, 23, se entregou à Polícia Militar no início da tarde e confessou o crime. Frio, contou detalhes do crime ao repórter André Barbosa, do JPNEWS, e afirmou que se defendeu de não ser morto por Oliveira, com quem envolveu-se em uma briga na segunda-feira ( 11).

Antes do crime, Alef foi à casa de Sidney convidar o ex-amigo para um passeio.

Alef entregou-se a uma equipe da PM em uma rua de terra do bairro Nova Americana, zona Oeste da cidade, desarmado e vestindo apenas bermuda.

Sem demonstrar arrependimento, disse que decidiu por matar o vendedor porque se sentia ameaçado, sempre exibindo uma suposta lesão na perna esquerda como resultado de agressões que teria sofrido na briga. 

"Eu preferi ver a mãe dele chorando do que a minha", disse, ao revelar que não sente arrependimento. Quando à possibilidade de ser condenado à prisão por homicídio, apenas riu.

Pela prisão em flagrante, Alef deve ser levado ainda hoje ao presídio de Três Lagoas, onde responderá a inquérito. O crime será investigado pela 1ª Delegacia de Polícia. (Colaborou André Barbosa/JPNews)

Deixe seu Comentário