Rádios On-line
OPINIÕES PUBLICADAS

Memórias

Leia a edição especial de comemoração aos 70 anos do Jornal do Povo

22 JUL 2019 - 07h:00Por Messias Queiroz

Assistir ao Jornal do Povo completar 70 anos e ainda em forma, pujante, líder e referência do noticiário em nossa querida Três Lagoas e Região me traz reconfortante satisfação. É um sentimento parecido àquele de rever a terra natal após anos distante, ou de reexaminar um quadro consagrado, ou de reler aquele clássico de Machado. São obras construídas com suor e lágrimas e que se perpetuam na história das sociedades.

Militei nas fileiras do Jornal do Povo durante bons dez anos de minha trajetória profissional, nos anos 1990. Foram muitas reportagens, coberturas extenuantes, fechamentos de edições especiais madrugadas adentro, semanas a fio. Sob a direção do casal Rosário e Elaine Congro aprendi o que é ter paixão pela cidade e seu povo, honestidade no ofício de jornalista, dignidade no trato do interesse público, gentileza e fraternidade no convívio com pessoas. Sim, porque as tarefas e obrigações passam, mas com o tempo o que nos restam nas memórias são as pessoas, e os afetos que nos inspiram. 

E passe o tempo que passar, esses sentimentos ninguém vai nos tirar. 

A sabedoria e temperança do saudoso dr. Stênio, o humor e a gentileza da dra. Elaine, o gênio forte e a generosidade do dr. Rosário, o amor de Andrelina (com quem, graças a Deus me casei), e tantos, tantos mais.

Hoje, quando de longe acompanho o Jornal do Povo, são estas emoções que me vêm a mente. Ah, mas parece que faltou uma: orgulho. Sim, tenho muito orgulho de ter contribuído, ainda que modestamente, um pouco para essa história.


*Foi editor do Jornal do Povo na década de 1990.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13