Rádios On-line
SEM CONSCIENTIZAÇÃO

Mesmo sendo crime, moradores em Três Lagoas queimam lixo próximo ao asfalto

As queimadas podem intensificar os problemas respiratórios, acarretando em número ainda maior as pessoas do grupo de risco neste tempo de pandemia

1 ABR 2021 - 12h:22Por Daiana Oliveira

Com previsão de pouca chuva e de estiagem para o período do Outono, a prática reincidente de por fogo no lixo em vias públicas e em terrenos baldios é um dos fatores que chocam com a umidade relativa do ar. É comum ver lixo queimando nos bairros, como a equipe de reportagem encontrou no Alto da Boa Vista, em Três Lagoas.

Com problema respiratório, o morador Wilson de Souza alega ser comum ver lixo queimando próximo ao asfalto.“Se morre cachorro ou outro animal jogam na beira do asfalto e põem fogo. Eu tenho problema respiratório e isto sempre me incomoda. É difícil suportar, pois sempre acontece”, relata.

Segundo especialistas, diante do quadro pandêmico, Covid-19, as queimadas podem intensificar os problemas respiratórios, acarretando em um número ainda maior as pessoas do grupo de risco.

A prática de atear fogo em lixo ou terrenos baldios é vista pelas autoridades ambientais como crime, sendo prevista em Lei. Em Três Lagoas, a multa por lote pode chegar o equivalente a R$ 491.

Segundo a diretora de Educação Ambiental, Maysa Costa, há duas vertentes sobre o assunto. “Aquela questão cultural, a pessoa que varre o quintal, junta as folhas e ateia fogo ao invés de por para coleta pública, outro ponto são as queimadas de terrenos baldios, ao invés do proprietário fazer a limpeza periódica para reduzir o mato, prefere queimar ou até o mesmo vizinho, muitas vezes incomodado acaba fazendo isso, além das bitucas de cigarro que são um risco, por isto sempre reafirmamos a importância da conscientização”, pontua.

A secretaria de Meio Ambiente fornece canais para denúncias através do telefone (67) 3929 -1852 e também via e-mail: [email protected]

QUANDO E QUEM PROCURAR?

INCÊNDIO FLORESTAL – A Polícia Militar Ambiental é responsável em atender às denúncias e fiscalizar incêndios florestais e em grandes áreas rurais.

LIXO E TERRENOS URBANOS – A Secretaria de Meio Ambiente fiscaliza queimadas em lixo e terrenos baldios na área urbana de Três Lagoas, região de ranchos e distritos, podendo autuar os autores, caso sejam identificados.

PARA APAGAR FOGO – O Corpo de Bombeiros é a única autoridade com mecanismos e profissionais capazes de combater incêndios. Vale ressaltar que o CB não apaga fogo em terreno baldio, exceto se houver risco de comprometer rede elétrica e imóveis próximos.

 

Deixe seu Comentário