Rádios On-line
SENADOR AFASTADO

'Não atinge nossos projetos', diz líder do PSDB em Três Lagoas sobre Aécio

Presidente nacional do partido, senador foi afastadodo cargo após ser citado na delação de Joesley Batista

18 MAI 2017 - 17h:09Por Sergio Colacino

O presidente do diretório do PSDB em Três Lagoas, o advogado José Pereira da Silva, afirmou que o afastamento de Aécio Neves, presidente nacional do partido, do cargo de senador não atinge os programas e projetos dos tucanos na cidade. Aécio é citado na delação premiada do empresário Joesley Batista, dono do frigorífico JBS, que afirma ter uma gravação de 30 minutos onde o senador pede R$ 2 milhões para pagar a defesa dele na Operação Lava Jato.

Para Pereira, a situação deve ser investigada e o senador tem o direito à defesa. Mas reiterou que o partido deve fazer política para as novas gerações, sem defender A, B ou C. “Nós não somos contra nenhuma investigação. Ele tem a possibilidade e o direito de provar que as denúncias são falsas, mas se não for possível, queremos que se faça justiça”, afirma. Ele considera que os escândalos a nível nacional não comprometem o planejamento do PSDB em Três Lagoas, mas admite que os recorrentes casos de corrupção podem fazer com que o eleitor repense algumas escolhas. “Existe um desgaste no cenário político, mas temos que criar forças para superar barreiras. Temos de fazer política sem manchas, sem mácula. Isso pode ser salutar, no sentido de que nós teremos que nos aperfeiçoar sempre”, completa.

Em Três Lagoas, o PSDB é o partido com maior representatividade na Câmara, com quatro vereadores: André Bittencourt, o presidente da Casa; Jorginho do Gás; Sirlene da Saúde; e Silverado. Além disso, é também o partido do prefeito Ângelo Guerreiro e do vice, Paulo Salomão. 

Deixe seu Comentário