Rádios On-line
DINOSSAUROS

Nova espécie de dinossauro é descoberta na Austrália

Fóssil encontrado em 2006 recebeu nome de Australotitan cooperensis

9 JUN 2021 - 09h:44Por Redação

Os fósseis do dinossauro gigante descobertos na Austrália em 2006, foram identificados como pertencentes a uma nova espécie. Nomeado Australotitan cooperensis, o animal é um dos maiores animais conhecidos a ter vivido na terra.

Ele pertence ao grupo dos titanosauros, que viveram há quase 100 milhões de anos, eram herbívoros de pescoço longo e estavam em todos os continentes. A estimativa é de que esses enormes animais tinham de 5 a 6,5 metros de altura e entre 25 e 30 metros de comprimento.

Os ossos fossilizados foram descobertos em 2006 em uma pequena fazenda, a cerca de mil quilômetros a oeste de Brisbane, na Bacia de Eromanga, e o esqueleto recebeu o nome de "Cooper" em homenagem a um rio daquele estado.

A princípio a descoberta foi mantida em segredo e o esqueleto só foi exposto pela primeira vez ao público em 2007.

O processo para confirmar que o fóssil pertencia a uma nova espécie envolveu comparações em 3D dos ossos de "Cooper" com os dos seus 'primos' mais próximos e foi publicada na revista científica PeerJ.

O maior dinossauro conhecido até a data é o Patagotitan mayorum, o "Titã Patagônico", descoberto na Argentina em 2017. De acordo com os paleontólogos ele poderia pesar cerca de 70 toneladas, o equivalente a dez elefantes africanos, e medir cerca de 37 metros de comprimento e oito metros de altura.

(informações Agência Brasil)

Deixe seu Comentário