Definir Três Lagoas como sua cidade padrão?

Sim Não
Rádios On-line
8088
PREFEITURA TL 103 ANOS 18 A 30.06.18

Novo loteamento de Três Lagoas respeitará características físicas e ambientais do Jupiá

8 AGO 2012 - 15h:00Por Redação

 O novo empreendimento imobiliário que será lançado no dia 11 em Três Lagoas, no prolongamento da rua Egídio Tomé, respeitará as características físicas do bairro Jupiá. Localizado na área de influência da nova ponte sobre o rio Paraná, o empreendimento será lançado pela J.A. Urbanismo, que buscou parceiros em Três Lagoas com o compromisso de adotar engenharia de ponta e rigoroso controle de qualidade.

Um dos principais fatores para o sucesso de um empreendimento imobiliário, segundo a J.A. Urbanismo, é o modelo de negócio que busca parcerias, compartilha know-how, estrutura profissional no planejamento e realização das obras em todas as etapas do projeto, desde sua aprovação junto aos órgãos competentes à sua execução e comercialização. Esses conceitos vão nortear o Bosque das Araras, projetado para ser um empreendimento identificado com os aspectos sociais e ambientais de Três Lagoas.

“Os projetos da J.A. Urbanismo só se iniciam após um detalhado reconhecimento da área e conta com parceiros que desenvolvem soluções específicas nos empreendimentos, minimizando o risco de enchentes, por exemplo”, garantem diretores e gerentes da empresa, que já estão na cidade preparando o lançamento do novo empreendimento imobiliário.

INFRAESTRUTURA

As redes que compõem a infraestrutura (água, drenagem e esgoto) são projetadas sob a área destinada às calçadas, facilitando futuras manutenções e evitando danos ao pavimento. A J.A. Urbanismo utiliza uma forma diferenciada de meio-fio, através de uma máquina especial que permite moldá-lo “in loco” respeitando o contorno das ruas e garantindo um acabamento perfeito sem deixar arestas e desníveis que os blocos convencionais de meio-fio apresentam com o tempo.

Buscando proporcionar bem-estar aos seus empreendimentos, a J.A. Urbanismo desenvolve projetos paisagísticos diferenciados nos quais são priorizadas espécies nativas para ornamentação, além de recuperar áreas.

Em razão dos princípios socioambientais, o projeto do Bosque das Araras levou em conta estudos sobre as características físicas, hidrologia, solos e vegetação existentes, a fim de assegurar a legalidade e qualidade da obra.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
7201