Rádios On-line
ABANDONADA

Obra da nova sede da PRF está parada e tomada por matagal

Construção na circular da Lagoa Maior foi iniciada no começo de 2015

21 JAN 2017 - 10h:55Por Ana Cristina Santos

As obras de construção da nova sede da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Três Lagoas estão paralisadas e tomadas por mato. A obra, em construção na circular da Lagoa Maior, foi iniciada no começo de 2015. 

A primeira paralisação ocorreu no mesmo ano, em razão de notificação da prefeitura porque a empreiteira Baldin, de Campo Grande, vencedora da licitação, teria iniciado a obra sem a Guia de Diretrizes Urbanísticas (GDU) e sem o alvará de licença para a construção. Os documentos não foram expedidos porque, segundo a prefeitura, não há uma devida “caracterização do imóvel”.

A Superintendência da PRF conseguiu liminar na Justiça e, em outubro de 2015, a obra foi retomada. No entanto, pouco depois, a empreiteira não teria cumprido o cronograma da construção. Após notificações e respeitados os prazos, a PRF rescindiu o contrato com a empresa. 

Segundo a assessoria da PRF no Estado, após isso foi contratada outra empresa para fazer um levantamento da obra. O processo de abertura de licitação está em andamento e, segundo a PRF, até março, a construção deve ser retomada. 

Quanto ao questionamento da prefeitura, a Superintendência alega que a obra foi iniciada dentro da legalidade.  

 

Deixe seu Comentário