Rádios On-line
INVESTIGAÇÃO

Polícia Civil concluiu inquérito e indicia dono de sapataria por estupro

Crime ocorreu no bairro Vila Nova, em Três Lagoas

5 SET 2018 - 08h:00Por Kelly Martins

A Polícia Civil concluiu o inquérito que envolve o dono de uma sapataria, de 30 anos, e uma adolescente, de 17, em Três Lagoas. O homem foi indiciado por estupro consumado e está preso na Penitenciária de Segurança Média, desde o dia 26 de agosto, data do crime. O fato ocorreu na casa do suspeito e a vítima é funcionária dele.

De acordo com a delegada Patrícia Peixoto Abrantes, da Delegacia de Atendimento à Mulher (DAM), o suspeito confessou o estupro e foi preso em flagrante. Em depoimento, a vítima contou que trabalhava na sapataria há seis meses e que os dois tinham vínculo de amizade. Porém, segundo a garota, nunca houve relacionamento íntimo e essa teria sido a primeira vez que o patrão a atacou.

Ainda, segundo a delegada, a adolescente morava na casa dele. Após a prisão, a vítima foi para a residência de familiares. Agora, o caso será encaminhado para o Ministério Público Estadual.

Deixe seu Comentário