Rádios On-line
FRUSTRADA

Polícia Militar impede fuga de penitenciária e detento morre em hospital

O homem tentou fugir escalando o alambrado para tentar chegar ao muro da unidade prisional quando foi atingido por disparos feitos por policial

31 AGO 2017 - 05h:29Por Celso Daniel

“Graças ao eficiente trabalho do policial militar a fuga foi impedida”, com essa frase o subcomandante do 2º Batalhão de Polícia Militar de Três Lagoas (2ºBPM), major Ênio de Souza definiu a ação policial que frustrou uma tentativa de fuga de dois detentos da Penitenciária de Segurança Média (PSM) de Três Lagoas na madrugada desta quinta feira (31).

Em entrevista ao JPNews, o oficial da PM contou que por volta das 02h30 os policiais militares que realizam a segurança do perímetro nos muros do presídio, perceberam que dois detentos estavam escalando a um alambrado que cerca os pavilhões das celas do PSM. Foi dada ordem de parada aos presos que não obedeceram e se aproveitando da escuridão, tentavam chegar até o muro que cerca a penitenciária.

Tiros foram disparados por um policial militar que atingiram o detento Leonardo Ponciano de Melo, de 40 anos que caiu ao solo enquanto o comparsa da tentativa da fuga voltou correndo ao pavilhão e a cela.

Rapidamente os policiais comunicaram o Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Equipes da Rádio Patrulha, comandadas pela oficial do dia e outra comandada pelo Major Enio, foram até a penitenciária. Uma equipe da Rondas Ostensivas e Táticas do Interior (Rotai) da PM também foi designada a fazer a segurança e escolta do detento que foi socorrido pela equipe médica do SAMU e levado até o hospital.

Leonardo Ponciano chegou com vida na unidade de saúde, mas não resistiu e morreu minutos depois. Ele cumpria pena por latrocínio – roubo seguido de morte – que ocorreu no dia 31 de dezembro de 2016, mas ele foi preso no dia 01 de janeiro de 2017 depois que policiais conseguiram localizar Leonardo Ponciano e os comparsas que participaram do crime contra Rosalvo de Oliveira Nogueira, de 56 anos, morto a facadas e encontrado próximo a um motel no bairro Vila Haro.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13