Rádios On-line
9248
HOMICÍDIO

Polícia prende suspeita de matar mulher na Cascalheira. Vídeo

Essa é a 6ª pessoa presa por envolvimento no crime, que ocorreu em 3 de setembro

9 OUT 2019 - 08h:05Por Kelly Martins

A sexta pessoa suspeita de envolvimento no assassinato de Érica Rodrigues Ribeiro, de 29 anos, encontrada morta na região da Cascalheira, às margens do Rio Paraná, em Três Lagoas, foi presa pela Polícia Civil. A prisão ocorreu na tarde desta terça-feira (8) por policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) e a suspeita Adelice Aparecida Queiroz Honorato, de 42 anos, estava escondida na casa do irmão, em Araçatuba (SP).

O corpo da vítima foi localizado no dia 3 de setembro deste ano com dez facadas na região das costas e da nuca. No dia seguinte, após investigações, foi expedido mandado de prisão preventiva contra Adelice. Quatro comparsas foram presos na ocasião e a suspeita conseguiu fugir. De acordo com o delegado Ailton Pereira, titular do SIG, o grupo tem passagens por tráfico de drogas na região e também está ligado a organização criminosa PCC.

Há informações de que o assassinato dela seria motivado por vingança da quadrilha. O delegado disse ainda que a Adelice é conhecida pelos criminosos como “Viúva Negra”. Durante buscas na casa onde ela estava, no interior paulista, os policiais apreenderam 79 pinos de cocaína, mais 19 pinos vazios, sem uso. Também um caderno com anotações referente ao crime organizado, além da quantia de R$300 em moedas. A suspeita confessou fazer parte do PCC.

Ela vai responder pelos crimes de tráfico e associação ao tráfico de entorpecentes, além do envolvimento no homicídio. Conforme a polícia, as investigações seguem para identificar outros envolvidos no crime.

Veja entrevista do delegado Ailton de Freitas ao repórter Alfredo Neto.
 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13