Rádios On-line
11588
Daterra

Policiamento ciclístico será resgatado mais uma vez

Bicicletas tiveram de ser deixadas de lado várias vezes para preencher as viaturas

21 JAN 2009 - 06h:45Por Redação

O comando do 2º Batalhão da Polícia Militar (PM) pretende resgatar o policiamento ciclístico em Três Lagoas. De acordo com o tenente-coronel, Washington Geraldo de Oliveira, o tipo de policiamento – destinado principalmente a ações preventivas e de trânsito na área central – teve de ser desativado em setembro do ano passado. A falta de efetivo foi o fator determinante para a decisão.
“O interessante é que possamos contar com todos os tipos de policiamentos. Mas, na forma como estávamos, algo tinha de ser sacrificado. Tínhamos apenas duas viaturas e poucos policiais. Com um número bastante reduzido de homens, tive de fazer uma escolha: ou deixava duas bicicletas no centro, ou aumentava mais uma viatura na Cidade. Escolhi a última”.
Esta não é a primeira vez que isto acontece. Desde que anunciado pelo Comando Geral da Polícia Militar, o policiamento ciclístico de Três Lagoas viveu na corda bamba. A causa também sempre foi a mesma: falta de efetivo. As oito bicicletas chegaram a Três Lagoas em junho de 2005. No segundo semestre do mesmo ano, dez policiais militares foram habilitados ao novo tipo de policiamento. Mas foi apenas em maio do ano seguinte (2006) que o grupo foi apresentado à população. O objetivo, na época, também era manter os policiais na área central e liberar as viaturas para a periferia. Mas o projeto durou poucos meses. Depois disso, uma série de tentativas para retomar o tipo de policiamento foi feita, mas todas duraram pouco. Sem policiais suficientes para fechar uma guarnição para viaturas, militares treinados para o ciclístico tinham de ser remanejados.

EXPECTATIVA

Agora, com o novo curso de formação de soldados, a intenção é que as bicicletas voltem a circular na Cidade ainda neste ano, como explicou Geraldo. Para ele, hoje Três Lagoas conta com um número regular de viaturas, o que faz com que o comando possa retomar o antigo policiamento. “Hoje temos sete viaturas, um número bom para o Município e temos um grupo de 50 novos policiais em formação. Somente agora poderemos montar uma equipe para as bicicletas”.
O comandante explica que as oito bicicletas entregues pelo governo do Estado no ano de 2005 estão guardadas no 2º BPM. A única alteração será em relação aos uniformes dos soldados. “As bicicletas estão em bom estado. Vamos ter que rever a questão do uniforme para se adequar às necessidades do tipo de policiamento”, completou.
A intenção do comandante é colocar no mínimo seis bicicletas circulando pela área central. “O interessante é que se mantenha duas guardadas para poder fazer sistema de rodízio e evitar o desgaste excessivo”, completa.
Ele explica que, com a nova equipe formada e as viaturas, é possível que o trabalho do policiamento ciclístico esteja completo. “Se fossemos manter o ciclístico antes, em caso de prisão o policial não teria nem como encaminhar o preso a uma delegacia. Não tínhamos viaturas para isto. Agora temos”.
A previsão de Washington Geraldo de Oliveira é que o policiamento ciclístico seja retomado até junho deste ano. A formatura dos novos policiais militares está prevista para o mês de maio. (RP)

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13