Rádios On-line
8937
JORNAL DO POVO MOBILE

Prefeita rateia recursos do Fundeb para professores

Esse total, a ser rateado proporcionalmente à categoria, foi depositado ontem (23)

24 DEZ 2008 - 06h:30Por Redação

A prefeita Simone Tebet assinou ontem (23) o acordo firmado com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinted) para aplicar no Município a Lei Federal 11.738, de 16 de junho de 2008, que trata sobre o piso nacional dos professores. Além do acordo de ajuste salarial da classe, com efeito retroativo a janeiro de 2008, a prefeita entregou ao vice-presidente e representante do Sinted, professor Petrônio Alves Ferreira Filho, dois cheques simbólicos. O primeiro, no valor de R$ 618.548,37, diz respeito ao total da diferença salarial da categoria, de janeiro a dezembro, incidindo também sobre férias e outros adicionais. Esse total, a ser rateado proporcionalmente à categoria, foi depositado ontem (23) na conta dos 756 servidores públicos que trabalham na área de Educação. O segundo cheque, no valor de R$ 250.273,06, é relacionado ao que sobrou da diferença entre despesa e receita do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Esse dinheiro será rateado proporcionalmente e depositado, na segunda-feira (29), na conta de 967 servidores da Secretaria Municipal de Educação.
“Agradeço, em nome da categoria, o cumprimento de reivindicações que se arrastam há mais de quatro anos”, disse o professor Petrônio. Segundo ele, “o funcionário bem pago é o que atende bem à população e, enquanto a Educação não for prioridade, não só de palanque, mas de dinheiro”, não teremos condições de desenvolvimento.
“Nós vamos cumprir a Lei integralmente. Vamos dar todas as gratificações, mais os 38% de regência”, afirmou a prefeita Simone Tebet, ao entregar os dois cheques ao Sinted.
Referindo-se à Lei 11.738, Petrônio comentou: “o maior trabalho nosso não é só na sala de aula. O tempo que vamos ter agora com o preparo fora da sala é que irá melhorar a qualidade da aula que é dada aos nossos alunos”.
Com a assinatura do acordo, os professores de nível (PS2) iniciam carreira com salário de R$902, mais os 38% de regência, o que dá um total de  R$ 1.245,00 correspondentes à 20h/aula.
Já os professores de nível (PS1) iniciam carreira com salário de R$ 712, mais os 38% de regência, sendo um total de R$ 983, correspondentes também a 20h/aula. (C.A.)

Deixe seu Comentário

TVC

TVC Canal 13

Pantanal Mobile