Rádios On-line
OBSERVATÓRIO

Prefeitura anuncia intenção de comprar vacina contra a Covid-19

Confira a coluna Observatório publicada no Jornal do Povo, na edição deste sábado

6 MAR 2021 - 07h:05Por Da redação

BOA INICIATIVA

Nesta semana, a prefeitura e Câmara de Vereadores de Três Lagoas anunciaram a intenção em comprar vacinas contra a Covid-19. Essa sempre foi a intenção de muitos municípios e governos estaduais. Agora com o projeto aprovado do Senado, que dá essa oportunidade, tomara que isso se concretize, porque se for depender das doses disponibilizadas pelo governo federal, certamente levará muito tempo para grande parte da população ser imunizada.

PREOCUPAÇÃO

Enquanto diversas autoridades estão preocupadas em buscar maneiras de evitar o contágio da Covid-19, e diante da falta de leitos de UTI, e muitos moradores se isolando em casa, outros não estão nem aí. Tem alguns, inclusive, querendo realizar shows. Dá entender?

AULAS

Na sessão desta semana, o vereador Sargento Rodrigues declarou apoio ao Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinted) e criticou a forma como está sendo preparada a volta às aulas em algumas unidades, inclusive, particular. “Pelo que minha filha conta, tenho esse termômetro. Apoio que se mantenham as aulas online. Como pai, pedi sim a volta as aulas, mas agora vejo que não está funcionando”, declarou.

PROBLEMA ANTIGO

A Câmara de Vereadores de Três Lagoas suspendeu projetos que modificam e dão nomes as ruas da cidade.  Uma comissão será formada para discutir a melhor maneira de regularização de endereços na cidade. A discussão sobre os conflitos em relação a denominações das vias públicas em Três Lagoas começou em 2008, e parece estar longe de resolver esse problema.

DEVEDORES

O acordo para que os municípios protestem devedores em cartório espera a adesão de mais  60% das cidades de Mato Grosso do Sul. De acordo com o termo de recomendação, publicado na edição de hoje (dia 5) do Diário da Justiça, dos 79 municípios, apenas 31 são conveniados para a remessa de certidão da dívida ativa aos cartórios de protestos. 

Deixe seu Comentário