Rádios On-line

Prefeitura intensifica borrifação contra mosquito da dengue

Saúde pede compreensão e colaboração dos moradores pelos transtornos causados, principalmente, pelo barulho causado pelas bombas do fumacê

3 MAI 2013 - 15h:46Por Redação

A Prefeitura de Três Lagoas, por meio das equipes e setores da Vigilância em Saúde, da Secretaria Municipal de Saúde Pública, estará intensificando as ações de enfrentamento à dengue, a partir da próxima semana, ou seja, no período do dia 6 (segunda-feira) ao dia 31.

As equipes, com seis bombas leco veiculares, estarão percorrendo as principais ruas da Cidade, dividida em seis setores, incluindo o Centro e os bairros onde foi constatada maior incidência de casos de dengue, como informou o coordenador de Agentes de Combate a Endemias, José Carlos dos Santos Coelho, mais conhecido como “Baianinho”.

HORÁRIOS
A borrifação, popularmente conhecida como “fumacê”, será pela manhã, das 5h às 8h; e no período vespertino, das 17h às 20h30.  

A intensificação dessas ações se deve ao aumento do número de casos notificados de dengue e à constatação de que uma grande parte dos pacientes de dengue trabalha no comércio ou em escritórios da área central urbana.

Por essa razão, “iremos intensificar a borrifação contra o mosquito, com bombas leco motorizadas e também usaremos bombas costais, nos corredores e dependências das lojas comerciais e escritórios do Centro”, anunciou a diretora de Vigilância em Saúde, Neide Yuki.

“A borrifação é uma forma de bloqueio à infestação do mosquito”, observou Neide.

“Pedimos a colaboração de todos nesta nossa luta de enfrentamento à dengue. A colaboração e apoio dos moradores e comerciantes é de extrema importância para a obtenção de resultados positivos na eliminação do mosquito transmissor da dengue”, ressaltou Baianinho.

“A borrifação é feita pela manhã e no finalzinho da tarde, observando-se um ciclo de ação em cinco vezes de aplicação do inseticida”, explicou. 
 
COMPREENSÃO
Para que a borrifação obtenha resultados eficientes no combate ao mosquito, é solicitada a compreensão de toda a população e os moradores devem tomar as precauções devidas, quando as bombas leco estão passando nas suas respectivas ruas.

“A orientação que damos aos nossos Agentes de Combate às Endemias é que desliguem a borrifação em frente de bares, lanchonetes, restaurantes, farmácias e açougues. Mas o barulho da bomba é inevitável, porque o motor continua ligado, mas sem a borrifação”, explicou Baianinho.

“É importante que todas as portas e janelas da casa estejam abertas para que as partículas do produto aplicado penetrem também no interior das residências”, explicou a diretora de Vigilância em Saúde e Saneamento, Neide Yuki.

“O transtorno, principalmente do barulho do motor das bombas, é inevitável, mas torna-se necessário para a eliminação do Aedes Aegypti adulto, vetor transmissor da Dengue”, completou.

Segundo ela, a borrifação é a última das medidas, que somente é adotada “como bloqueio nos locais onde foram notificados casos de Dengue”, informou.

“O mais importante e eficiente enfrentamento à Dengue está nas ações que nossas equipes vêm realizando de casa em casa”, ressaltou Neide. (Com informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura)

Deixe seu Comentário

RCN LIVE EUGENIO MUSSAK

TVC Canal 13