Rádios On-line
11367
Nova Estrela 0603

Presidente eleito da OAB local diz que advogados são unidos

Luiz Henrique de Lima Gusmão foi eleito ontem presidnete da subseção de Três Lagoas

21 NOV 2012 - 08h:13Por Arthur Freire

 Eleito ontem presidente da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Três Lagoas, Luiz Henrique de Lima Gusmão disse que a classe desses profissionais é unida no município, apesar das divergências em relação ao apoio dos candidatos que disputaram a Seccional. Ele comentou que a OAB de Três Lagoas tem sido unida no que diz respeito à defesa das prerrogativas dos advogados, bem como no companheirismo com os colegas. “Em minha opinião, entendo que os advogados em Três Lagoas são unidos”, frisou.

Diferente do que ocorreu na disputa pela Seccional em Campo Grande, houve apenas uma chapa inscrita em Três Lagoas. Segundo Gusmão, a decisão em colocar o seu nome para concorrer à presidência da subseção partiu de um grupo que sempre teve participação na gestão da OAB local. Com o nome aclamado, aceitou o convite, tendo como o seu vice, o advogado Carlos Hecht. Em razão do trabalho que alguns advogados que integram a atual diretoria da seccional vêm desenvolvendo, eles foram mantidos. Cristiane Gazoto continuará como tesoureira; a advogada Patrícia Gonçalves Ferber será a secretária geral. Gustavo Gottard será o secretário geral adjunto, em ração da graduação e do bom trabalho que vem desenvolvendo.

Quanto ao fato de não haver concorrência, Gusmão disse que a tentativa existiu, mas em razão das dificuldades para se montar uma chapa, inclusive no que se refere à questão de advogados inadimplentes, deve ter havido desistência dos profissionais que tinham interesse. “As regras estão mais rigorosas para participar”, destacou.

METAS
Uma de suas principais metas, assim que assumir o comando da OAB local, será a de ampliar o prédio da seccional. Segundo Luiz Henrique Gusmão, o prédio atual foi construído em um momento que a cidade tinha 160 advogados, hoje são 450 inscritos na seccional de Três Lagoas. “Hoje não é possível oferecer um serviço de qualidade”, disse. A outra meta será a de operacionalizar todas as salas a fim de que os advogados possam fazer o processo digital na sala da seccional, inclusive, conforme Gusmão, com internet sem fio. “É uma meta e um desafio a ser cumprido nos próximos três anos. Para isso, vamos em busca de recursos para executarmos nossos projetos”, adiantou.

Para Gusmão, o número elevado de advogados inscritos na OAB local deve-se ao trabalho que vem sendo realizado pela seccional. Entretanto, ele reconhece que existe um número maior de profissionais que atuam no município, os chamados advogados flutuantes, que vem, principalmente do interior do Estado de São Paulo. No entanto, ele informou que, a partir do momento que o advogado tenha mais de cinco ações na cidade, ele é obrigado ter inscrição na OAB local.

As eleições da OAB/MS para o triênio 2013/2015 ocorreram nas 31 subseções do Estado e também na seccional, em Campo Grande. 

 SECCIONAL
Júlio César Souza Rodrigues, da chapa “OAB Forte e Presente” foi eleito como novo presidente da Seccional de Mato Grosso do Sul. Da chapa “OAB Forte e Presente”, o candidato obteve 2.870 votos. O segundo mais votado foi Marco Túlio, com 2.462 votos, e Alexandre Bastos, obteve 1.193 votos. O resultado final foi divulgado pela Comissão Eleitoral da OAB/MS às 19h52 de ontem. Em Três Lagoas, Júlio César, da Chapa 11, venceu com 111 votos. Marco Túlio ficou em segundo, com 105 votos, e Alexandre Bastos teve 13 votos.

Luiz Henrique Gusmão acredita que a posse deverá ocorrer no dia 2 de janeiro e não no dia 1º, como nos anos anteriores, isso em razão das festividades de ano novo.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13