Definir Três Lagoas como sua cidade padrão?

Sim Não
Rádios On-line
8515
Território Teen

Proerd forma mais mil crianças em Três Lagoas

11 DEZ 2008 - 06h:10Por Redação

Mais mil e duzentas crianças entre 9 e 11 anos estão preparadas para dizer não às drogas no futuro, em Três Lagoas. De 3 a 12 deste mês, o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), da Polícia Militar (PM) de Três Lagoas, irá realizar uma série de formaturas dos alunos das redes estadual e particular de ensino.
Segundo o capitão Edílson José Ramos de Oliveira, coordenador do programa no Município, as solenidades de formatura e entrega dos certificados iniciaram na semana passada, dia 3, e devem prosseguir até o dia 12. Na tarde de terça-feira (9), a formatura aconteceu na Escola Estadual João Ponce de Arruda. Esta é a segunda etapa do Proerd neste ano.
“Para atender todas as escolas do Município dividimos em duas etapas: no primeiro semestre, os instrutores do Proerd ministraram as aulas nas escolas da rede municipal e no segundo, na rede estadual e algumas escolas particulares”.
O oficial explica que, a princípio, a intenção era promover uma grande formatura, reunindo todos os alunos, como aconteceu com as crianças da rede municipal, no entanto, por falta de recursos a alternativa foi realizar as solenidades em menor proporção nas escolas participantes.
Com a finalização desta segunda etapa, os instrutores comemoram o total de 2,4 mil crianças formadas apenas neste ano. O programa que visa manter as crianças e futuros adolescentes longe das drogas chegou ao Mato Grosso do Sul em 1997 e em 2000 passou a ser ministrado em Três Lagoas.
“A PM faz dois trabalhos no combate ao tráfico de drogas, o repressivo, que é a prisão de traficantes, detenção de usuário e apreensões de entorpecentes, e o preventivo, que é exatamente tentar evitar que estas crianças experimentem qualquer tipo de droga”, destaca Edílson.
O curso de resistência tem duração de seis meses e é integrado à grade curricular de ensino das escolas participantes. Entre as matérias ministradas, estão efeitos colaterais do uso de entorpecente, auto-estima, confiança, influência de amigos e pressões do dia-dia.
Atualmente, o Proerd de Três Lagoas teve o quadro de instrutores reduzido. Dos cinco que iniciaram o programa, três tiveram de sair para suprir as necessidades de falta de efetivo da corporação. “Mas acredito que este problema deverá ser solucionado assim que for formada a nova turma de policiais”, lembrou Edílson.
Além disso, a Secretaria de Segurança Pública do Estado anunciou ontem, por meio da Imprensa oficial, que deverá lançar um novo curso de formação de instrutores já no começo de 2009. Segundo divulgado, o curso está previsto para janeiro e serão oferecidas cerca de 30 vagas. Esta será a quinta turma de instrutores do Proerd formada no Estado.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
Dá Negócio
6864