Rádios On-line
DATERRA QUER ALUGAR MOBILE
VIOLêNCIA SEXUAL

Professor é acusado de assédio e aborto em menores

Ele acabou sendo preso em Três Lagoas na tarde de quarta-feira

9 JUL 2020 - 10h:02Por Israel Espíndola

Na tarde de quarta-feira um professor da Rede Estadual de Ensino de Água Clara, foi preso em Três Lagoas após ser indiciado por suspeita de abusar sexualmente e provocar aborto em uma de suas vítimas menores.

As informações são da Polícia Civil que apoiou o Ministério Publico que investiga crimes de violência sexual em menores. Ao todo foram quatro jovens violentadas pelo professor. A prisão do professor foi decretada após o surgimento de um novo fato.

Ainda de acordo com as informações o homem teria provocado o aborto em uma menor sem consentimento da vítima.

O homem que não teve sua identidade revelada está sendo indiciado por estupro de vulnerável, assédio sexual, fornecer bebida e narguilé a menores de idade e provocar aborto em menores de idade.

O suspeito poderá ser levado a júri, por se trata crime doloso contra a vida. O preso foi encaminhado pra Água Clara  onde o caso está sendo investigado.

Deixe seu Comentário

Mailson Interna RCN

TVC Canal 13