Rádios On-line
7924
Prefeitura Folclore 14 a 180819

Receita Federal do município mantém atendimento

20 AGO 2012 - 14h:32Por Redação

 Apesar da greve nacional da Receita Federal, servidores de Três Lagoas optaram por manter o atendimento. De acordo com o chefe da unidade, Reginaldo Pires da Costa, a receita atende, em média, a 60 pessoas por dia. A suspensão das atividades causaria grande dano à população. “Devido ao evidente crescimento do município, o nosso trabalho tem triplicado. Por enquanto, não vamos parar, porém, estamos acompanhando as negociações da classe com o governo federal”, explicou.

Segundo Costa, a classe aguarda uma contraproposta até o dia 30 deste mês. “Caso isso não aconteça, seremos ‘obrigados’ a aderir ao movimento”, destacou. Os servidores públicos reivindicam aumento salarial e reestruturação de carreira. “Estamos há quatro anos sem reajuste. A inflação existe e nossos salários não estão a acompanhando”, disse.

GREVES

A greve dos servidores públicos federais tem se alastrado por todo o país. Funcionários de vários órgãos fazem protestos e paralisações reivindicando reajuste salarial e melhoria das condições de trabalho. Por causa disso, alguns serviços estão sendo afetados, como emissão de passaportes e as aulas nas universidades federais.

Em Três Lagoas, quatro órgãos cruzaram os braços por tempo indeterminado: a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Federal (PF). No caso das polícias, a fiscalização, que não ocorre com tanta frequência em dias “comuns”, é intensificada nos dias de greve.

Na última quinta-feira, a PF deflagrou uma operação no km 21 da BR-262 e causou lentidão e congestionamento de um quilômetro na via. Não foi registrado nenhum flagrante. A PRF já declarou que a partir de segunda-feira, quando será iniciada oficialmente a greve, será realizada a Operação Padrão. Essa ação visa intensificar as fiscalizações em pontos de grande fluxo de veículos.

As blitzes devem chamar a atenção do governo federal, pois costumam causar congestionamentos e lentidão nas estradas. As multas e autuações aplicadas também aumentarão consideravelmente.

Os grevistas, num total de aproximadamente 350 mil servidores públicos em todo Brasil, pedem melhores condições de trabalho e reajuste salariais que variam conforme cada categoria. 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
BAND
7300