Rádios On-line
CENÁRIO 2018

Série destaca perspectivas econômicas para novo ano

Como em campanhas anteriores, realizadas a partir de 2015, o Grupo RCN seleciona personalidades de destaque para entrevistas

6 JAN 2018 - 08h:03Por Valdecir Cremon

Prospectar impressões e apurar os níveis de otimismo ou de apreensão do empresariado, autoridades e líderes de classe quanto ao comportamento da economia e do ambiente político de Mato Grosso do Sul. Esse é o foco de uma série de entrevistas em fase de produção pelo Grupo RCN de Comunicação em todas as suas praças de atuação.

Como em campanhas anteriores, realizadas a partir de 2015, o Grupo RCN seleciona personalidades de destaque para entrevistas. Em 2016, a campanha “Chegou a hora. Você pode virar o jogo!” incentivou empresários a manterem investimentos, contratações e projetos após a identificação de nível elevado de otimismo. 

Ano passado, ainda na mesma linha, foi desenvolvida uma campanha de prospecção de resultados das empresas, autoridades e personalidades entrevistadas em 2016. “Tivemos avaliações muito positivas”, resume Estêvão Congro, diretor executivo do Grupo RCN, sobre as campanhas e iniciativas que envolvem pessoas com poder de decisão, geradores de conteúdo e, principalmente, formadores de opinião.

CENÁRIO
Neste ano, com a projeção de crescimento do país, o mote da campanha será o de avaliação do cenário global a partir de entrevistas que serão produzidas em Três Lagoas, Paranaíba e Campo Grande. “Na capital vamos entrevistar autoridades dos governos estadual e municipal e das mais representativas entidades; empresários e empreendedores”, disse o gerente de jornalismo do Grupo, Otávio Neto.

As entrevistas serão apresentadas em programas especiais na Rádio CBN 93,7 MHz e nas redes sociais da emissora, além do jornal “RCN Notícias” das rádios Cultura de Paranaíba (106,3 MHz) e Três Lagoas (106,5 MHz). Também serão publicadas no Jornal do Povo, jpnews.com.br e em perfis do Grupo em redes sociais, além da veiculação na TVC - Canal 13. 

“Como estamos na capital do Estado temos acesso direto às autoridades e a grandes empresários. E é deles que vamos prospectar informações e impressões sobre o cenário econômico e a situação política de nossas cidades e de Mato Grosso do Sul. Desta maneira, teremos um retrato fiel do que se espera do novo ano, com projeção facilitada para o âmbito nacional”, disse Otávio. 

Deixe seu Comentário