Rádios On-line
LEVANTAMENTO

Setor industrial é o único beneficiado com isenção de impostos em Três Lagoas

Pesquisa divulgada pelo IBGE, nesta sexta-feira, mostra que demais setores não recebem isenção

15 ABR 2016 - 12h:20Por Ana Cristina Santos

A parcela dos municípios que utilizam algum mecanismo de incentivo à implantação de empreendimentos caiu de 62,8% (3.498) em 2012 para 61,7% (3.437) em 2015. Esse decréscimo se verificou nos municípios com mais de dez mil e nas regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste. Entre os tipos de incentivos utilizados, houve um aumento expressivo no percentual de municípios que adotam a isenção de IPTU e uma redução nos que optaram pela redução do IPTU.

De acordo com a pesquisa Perfil dos Municípios Brasileiros, divulgada  nesta sexta-feira , pelo IBGE, Três Lagoas possui mecanismos de incentivo Ia implantação de indústrias, como redução e isenção do IPTU, bem como do ISS. No entanto, o levantamento mostra que, apenas o setor industrial é beneficiado com a isenção de impostos, pois os demais empreendimentos nos setores de comércio e serviços, turismo, esporte e lazer, além do agropecuário não são beneficiados.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, André Milton, disse que a política de Desenvolvimento de Três Lagoas realmente é ligada a indústria. Ele disse que o programa de concessão de incentivos fiscais foi criado como estratégia para a industrialização do município e, consequentemente, segundo ele, atrairia empreendimentos ligados a outras atividades econômicas. Empresas que prestam serviços para as indústrias, também são .beneficiadas.

O secretário disse que um estudo deve ser feito para verificar a possibilidade de conceder incentivos para empreendimentos ligados ao turismo.

Deixe seu Comentário