Rádios On-line
DÁ NEGÓCIO

Suzuki mostra nova versão do Jimny

Modelo chega com interior repaginado, em três versões - duas com câmbio automático de quatro marchas; preço será de R$ 71 mil

11 NOV 2018 - 10h:00Por Valdecir Cremon

Valdecir cremon
redacaojp1@gruporcn.com.br 

A montadora japonesa Suzuki não fez segredo ao mercado e mostrou a nova geração do Jimny, em três versões, no Salão do Automóvel 2018, realizado desde esta quinta-feira (8), em São Paulo (SP). O modelo, que ganha o “sobrenome” de Sierra, chegará às lojas no segundo semestre do ano que vem, importado do Japão. 

Das três versões, duas foram equipadas com o inédito câmbio automático de quatro marchas. A outra segue com câmbio manual de cinco – todas, porém, com motor quatro cilindros de 1,5 litro que rende 108 cv de potência.

A nova geração manteve o espaço para quatro pessoas. A diferença é que o interior do Jimny Sierra pode ser modulado e virar duas “camas”, com bancos dianteiros totalmente dobráveis, que encaixam no traseiro. 

E, evidentemente por se tratar de um fabricante com tradição em avanços tecnológicos, o modelo não poderia sair sem uma completa central multimídia. Tudo o que pode ser acessado para o entretenimento está a poucos cliques numa tela digital bem interativa e funcional. Os demais acessórios, como ar-condicionado automático, controle de tração, air bag duplo e freios ABS, entre outros, saem de fábrica.

Por tudo isso, a Suzuki flerta com o consumidor anunciando que o preço das versões será cerca de 20% superior ao do modelo atual, em torno de R$ 71 mil.

JIMNY ANTIGO

A Suzuki também confirmou que o antigo Jimny continuará sendo fabricado em sua unidade de Catalão (GO). 

Deixe seu Comentário