Rádios On-line

Técnicos da Petrobras estimam instalação de 15 empresas no município

Com a construção da fábrica em Três Lagoas, o Brasil vai reduzir a dependência de fertilizantes

8 FEV 2013 - 08h:24Por Arquivo Pessoal

Durante visita da presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, a Três Lagoas nessa quarta-feira, os técnicos da estatal confirmaram que o município pode se transformar em um polo petroquímico com a instalação da fábrica de fertilizantes da Petrobras. Segundo o vereador Idevaldo Claudino (PT), que acompanhou os representantes da estatal no município, a informação divulgada pelos técnicos é de que aproximadamente 15 empresas prestadoras de serviços possam vir para Três Lagoas em decorrência da unidade de fertilizantes.

Todas elas estariam ligadas ao setor de misturas de produtos químicos NPK (Nitrogênio, fósforo e potássio). Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marco Garcia de Souza, a estatal trabalha com essa projeção, já que em outras cidades que receberam uma unidade de fertilizantes houve a instalação de empresas chamadas de misturadoras. “É comum uma unidade como essa atrair as misturadoras. Além disso, Três Lagoas tem uma localização estratégica e oferece incentivos fiscais para a instalação das empresas”, comentou.
A Prefeitura já disponibilizou uma área específica para receber as companhias desse setor. O secretário informou que o Distrito Industrial III, onde está instalada a fábrica de fertilizantes, foi criado com essa finalidade.

Com a construção da fábrica em Três Lagoas, o Brasil vai reduzir a dependência de fertilizantes, que hoje é de 66%, para 33%. Os estados consumidores do produto serão Mato Grasso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais e parte do Paraná. A unidade de fertilizantes irá produzir 1,2 milhão de toneladas de ureia e 761.000 toneladas de amônia por ano. Do total de amônia produzida, 680 mil serão utilizadas no processo produtivo de ureia e 81.000 toneladas serão comercializadas.

Durante sua rápida estadia em Três Lagoas, a presidente da Petrobras fez uma visita técnica ao canteiro de obras da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados (UFN 3). Mesmo com a greve dos trabalhadores no mês passado, as obras estão dentro do cronograma. A previsão é de que em setembro do ano que vem a fábrica de fertilizantes entre em funcionamento.

PROJETO
Maria das Graças Foster esteve também no Centro Juvenil Jesus Adolescente, na Vila Piloto, onde é realizado o projeto “Gerando Futuro”, em parceria com a Missão Salesiana. O projeto capacita cerca de 480 jovens de 16 a 18 anos. O vereador Idevaldo Claudino, também presente durante a visita, disse que o projeto é de extrema importância para a qualificação dos jovens e, consequentemente, para o processo de desenvolvimento da cidade. “Sempre fui um defensor da Petrobras e do projeto Gerando Futuro. A unidade de fertilizantes será de extrema importância para o país, uma vez que vai proporcionar mais emprego e renda para a nossa população”, destacou Idevaldo.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13