Rádios On-line
teste mobile
PROTESTO

Trabalhadores em educação paralisam atividades e alunos ficam sem aula

Educadores de Três Lagoas aderem à paralisação nacional que acontece nesta terça-feira

15 AGO 2016 - 11h:57Por Ana Cristina Santos

Os trabalhadores em educação de Três Lagoas vão aderir à paralisação nacional que acontece nesta terça-feira (16) contra o Projeto de Lei Complementar (PLC 257), que trada da renegociação das dívidas dos Estados e do ajuste fiscal aplicado no serviço público.

De acordo com a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação, Maria Diogo, uma caravana de trabalhadores de Três Lagoas vai para Campo Grande, onde acontecerá a concentração e mobilização dos trabalhadores do Estado.

Em razão da paralisação, não haverá aula nas escolas municipais e estaduais, bem como nos Centros de Educação Infantil de Três Lagoas.

De acordo com Maria Diogo, além do Projeto de Lei Complementar, os trabalhadores protestam ainda contra outras propostas que podem ser aprovadas e que, segundo ela, podem acarretar em um retrocesso para a educação. “Estamos caminhando para um retrocesso na educação. Estamos temerosos em perder conquistas importantes”, destacou.

 

Deixe seu Comentário