Rádios On-line
11588
Nova Estrela 0603
BIG BROTHER

Três Lagoas voltará a ser monitorada por câmeras

Empresa trabalha na manutenção das câmeras do sistema de videomonitoramento

19 ABR 2019 - 07h:10Por Ana Cristina Santos

A empresa Netware Telecomunicações e Informática, com sede em Campo Grande, deve concluir dentro de 20 dias, a manutenção corretiva no sistema de videomonitoramento de Três Lagoas. Desde o final de 2017, metade das câmeras instaladas em pontos estratégicos da cidade para ajudar no combate a criminalidade, não funciona por ter apresentado problemas. 

A empresa contratada pela prefeitura, pelo valor de R$ 544 mil, para colocar em operação os equipamentos, iniciou na semana passada a manutenção do sistema, que apresentou problemas no servidor e aterramento. Segundo a empresa, dentro de 20 dias a manutenção deve ser finalizada. 

A prefeitura tenta repassar a responsabilidade do serviço para o governo do Estado, entretanto, o Ministério Público, não vê legalidade, já que o sistema foi implantado com recursos de mitigação, destinado ao município, pela Petrobras, em decorrência da instalação da fábrica de fertilizantes em Três Lagoas.

A gestão no sistema, no entanto, já é compartilhada uma vez que a Polícia Militar é a responsável pelo gerenciamento e operação, porém os gastos com a manutenção é da prefeitura.

Os equipamentos e uma central de monitoramento instalada no quartel da Polícia Militar em 2016 custaram R$ 1,2 milhão.  O sistema possui 36 câmeras instaladas no centro e, em bairros da cidade.

Para o comandante da Polícia Militar de Três Lagoas, major Ênio de Souza, essa é uma ferramenta importante para ajudar no combate a criminalidade. O comandante, inclusive, tem um projeto em parceria com a Secretaria Estadual de Educação para implantar câmeras em frente as escolas estaduais. Alguns colégios, inclusive, já compraram os equipamentos. A previsão é de que no segundo semestre deste ano, todas as escolas estejam monitoradas.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13