Rádios On-line
DATERRA QUER ALUGAR MOBILE
INVESTIGAÇÃO

Três-lagoenses se queixam de mau cheiro e Corpo de Bombeiros investiga

Mau cheiro alcança toda a cidade e Corpo de Bombeiros investiga possíveis causas

13 JUN 2020 - 09h:11Por Beatriz Rodas

O sábado (13) começou não tão agradável para os moradores de Três Lagoas, registrando mau cheiro e forte odor em toda a cidade. Por ser polo industrial de celulose e papel, quando são registrados estes padrões de queixas na cidade, são feitas investigações de possíveis vazamentos nas indústrias que cercam a cidade, como houve em outros anos.

Segundo queixas e registros feitos por leitores do Portal JPNEWS, o mau cheiro começou na madrugada do sábado e foi se intensificando ao longo do dia, convertendo-se em um forte odor em alguns pontos da cidade.

INVESTIGAÇÃO

Em nota, a Suzano explicou que não houve vazamento de gases industriais a Três Lagoas neste sábado:

A Suzano verificou, com base em um software de análise de condições climáticas, que a direção do vento, neste sábado (13), não está em direção a cidade de Três Lagoas (MS). Além disso, a empresa também não detectou qualquer alteração na sua rotina de produção que pudesse gerar alguma fuga de gás em seu processo. Dessa forma, o odor sentido na cidade não é proveniente do processo de produção de celulose da empresa. Esclarecemos ainda que, visando o bem estar da comunidade, além de integrar a Rede de Percepção de Odor de Três Lagoas, a empresa também possui uma Rede Interna de Percepção de Odor, formada pelos seus colaboradores, que são treinados para detectar odores provenientes do processo de produção e informar imediatamente os responsáveis na empresa para verificação dos processos. Da mesma forma, os moradores de fazendas vizinhas a unidade fabril da Suzano também participam de treinamentos com o mesmo objetivo: detectar odor e informar a empresa para verificação. Somado a essas iniciativas, diariamente é realizado rotas preventivas dentro da área de produção da empresa para detecção de possíveis fugas de gases e correção imediata caso necessário.

O Corpo de Bombeiros, junto ao Imasul (Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), informou à equipe que o odor é proveniente da Eldorado Brasil, mas não de um vazamento; a fábrica passou por um procedimento padrão de limpeza na tarde desta sexta-feira (12) e o vapor proveniente do processo atingiu Três Lagoas. Segundo Reinaldo Candido, tenente-assessor do Corpo de Bombeiros, a Eldorado Brasil informará mais detalhes sobre o procedimento em breve.

Atualizada às 10h17.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13