Rádios On-line
Caminhão de Prêmios Urna Interna
APÓS POLêMICA

Vereadores devem votar regularização de área para cervejaria na terça-feira

Fábrica que será instaladaem Três Lagoas é uma filial da cervejaria Cidade Imperial Petrópolis

12 MAI 2018 - 07h:15Por Ana Cristina Santos

Após polêmica entorno da área para a instalação de uma fábrica de cerveja em Três Lagoas, os vereadores da cidade devem aprovar na sessão da próxima semana, projeto de lei que cria a macrozona industrial no terreno que vai abrigar o empreendimento.

A área fica às margens da BR-158, na saída para Brasilândia, em Três Lagoas. No local, funcionou o alojamento de trabalhadores que foi desativado depois que a fábrica de celulose entrou em operação.
O terreno foi doado ao município pela Fibria, com a finalidade de ser utilizado para a instalação de escola, para lazer e cultura. No entanto, como essa área atende aos interesses do empresário para a instalação da fábrica, o município encaminhou um projeto para o Legislativo, alterando a função social do terreno.

No parecer inicial, o relator da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara (CCJ), vereador Gilmar Garcia Tosta (PSB), alegou que seria contra a instalação da fábrica nessa área porque não haveria legalidade para a criação da zona industrial. Além disso, argumentou que seria necessária a realização de audiência pública, entre outras questões para essa mudança.

 No entanto, disse que a prefeitura ficou de encaminhar os documentos necessários ao Legislativo, com embasamento legal para essa alteração. Diante disso, com base na legalidade, adiantou que vota favorável ao projeto, pois entende que Três Lagoas não pode perder um empreendimento desta envergadura, com investimento previsto de R$ 300 milhões e geração de mais de 300 empregos.

O mesmo foi dito pelo vereador Antônio Rialino (PTdoB) que usou a tribuna para informar que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico está providenciando a documentação necessária para garantir a  criação da macrozona industrial e, posteriormente, para o envio do projeto de lei de doação da área para a empresa.

A fábrica que será instalada na cidade é uma filial da cervejaria Cidade Imperial Petrópolis, que pretende fabricar 10 milhões de litros por ano de cervejas e chopes. O volume a ser fabricado em Três Lagoas, somado com o produzido na fábrica instalada em Petrópolis (RJ), alcançará a 2% do mercado nacional da bebida. A cervejaria tem previsão de iniciar a produção na cidade, em julho de 2020. 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13