Rádios On-line
VIOLêNCIA

Vítima esfaqueada pelo marido gritava: ‘me ajude, me ajude’, diz vizinha

Tentativa de feminicídio foi registrado nesta sexta-feira (19), no Vila Piloto, em Três Lagoas

19 JAN 2018 - 17h:54Por Tatiane Simon

“Ela gritava ‘me ajude, me ajude’ várias vezes”. O relato é de uma enfermeira, de 27 anos, que é vizinha da vítima de tentativa de feminicídio na tarde desta sexta-feira (19), no bairro Jardim Alvorada, em Três Lagoas. Ela ouviu aos gritos de dor e pedidos de ajuda que a mulher, de 32 anos, fazia no momento da agressão. “Acredito que ela tenha sido esfaqueada no banheiro da casa”, conta.

Uma outra vizinha do casal também ouviu e acionou a Polícia Militar. “Quando ela [a vítima] saiu da quitinete pedindo auxílio e eu a agarrei. Na rua, parei em frente a um carro qualquer e pedi que a salvasse. Ele levou a vítima para o hospital”, informou.

Ainda segundo a vizinha, no momento em que colocou a vítima no carro, o suspeito a ameaçou. “Tive muito medo. Me tremi toda. Estou até agora em choque”, descreve.

A frieza do suspeito, Edson dos Santos, assustou a enfermeira. “Ele veio aqui, nos ameaçou se caso alguém ligasse para polícia, e, em seguida, jogou a toalha que usou para limpar o sangue das mãos no varal, calçou o tênis e saiu”.

As polícias Civil e Militar ainda estão em diligências pela cidade em busca do suspeito. 

 

(Colaborou André Barbosa)

Deixe seu Comentário