Rádios On-line
8038
Prefeitura Topo Queimada
MODA

Cinco dicas para se tornar buyer de moda

Diretores de grandes marcas contam que ser buyer exige também conhecimentos sobre política e planilhas numéricas.

19 JUN 2017 - 14h:51Por Redação

Visitar lojas de roupas, sapatos e bolsas para determinar o que será vendido em grandes empresas de departamento, conhecer e conversar com designers sobre suas peças, e, enfim, fazer escolhas que podem impactar o que as pessoas querem comprar. Descrita assim, a profissão de buyer de moda para um sonho, certo? Certo, mas também precisa de muita dedicação, bom olhar para tendências e até mesmo sabedoria sobre política e planilhas.

Se você quer se tornar buyer de moda ou crescer na carreira, confira as dicas de diretores de marketing e vendas de grandes empresas e boa sorte!

Saber sobre política é tão importante quanto saber como usar o Excel.

Jennifer Sunwoo, que trabalha há seis anos com chefe de marketing da Barneys, conta ao Business of Fashion que “esperamos que nossos buyers tenham um entendimento macro do que está acontecendo no mundo ao redor. O luxo não é apenas influenciado pela tecnologia, pelo mercado financeiro e pela cultura pop, mas também pelo ambiente político, pelo mercado de massa e por um novo mindset geracional. Mas além de saber tudo isso, ser proficiente em [Microsoft] Excel é um bônus, e eu diria para terem aulas da ferramenta!”

2. É preciso estar preparada para lidar com tendências

“Com uma indústria que muda tanto, a melhor coisa que voce pode fazer é pesquisar muito, principalmente sobre novos e também ja estabelecidos designers” descreve Federico Barassi, diretor de compras de roupas masculinas da Ssense. Brigitte Chartrand, que ocupa o mesmo cargo na seção feminina da marca, conta ao site que “é importante entender como os influencers e as redes sociais podem e vão influenciar as tendências — e como elas podem ser tanto estratégias de compra como apenas um hype das mídias sociais.”

3. Identifique o que te motiva e mantenha essa diálogo

Ruth Chapman e Heidi Coppin, co-fundadora do Matchesfashion e chefe de recursos humanos da empresa, respectivamente, contam sobre o que buscam em uma buyer: “Comprar é um balanço entre mágica e lógica. Ter noção numerica é chave, mas a coisa mais importante é ter um bom olho e boa intuição. Os buyers precisam ser bons estilistas, com seu próprio ponto de vista”, descreve Ruth. Fique de olho na dica de Heidi, responsável pela contratação na empresa: “buscamos pessoas que são completamente apaixonadas e entusiastas sobre o que fazem. É isso que te fará ser uma pessoa de sucesso. As perguntas são: ‘O que te motiva?’ e ‘O que te move?’ Ela ainda fala sobre deixar as portas abertas: “quando você entra em contato depois de uma entrevista, isso deixa um diálogo aberto. Se não deu certo desta vez, você permite que o recrutador e o gerente lembrem de você.”

4. Escute e colabore com sua equipe

“Não importa em qual negócio você esta, a colaboração é a chave. Se você trabalha em um mercado criativo como a moda, essa é uma habilidade que precisa aprender. É uma forma de escuta. Você ouve e absorve a mensagem das outras pessoas, o que é essencial para envolver equipes, participar de reuniões e fazer brainstorming. Você não está operando no vácuo”, conta Linda Fargo, vice-presidente do escritório de moda da Bergdorf Goodman.

5. Demonstre um conhecimento global das cadeias de vendas

“Você precisa demonstrar que entende de números e gráficos. Precisamos ser cautelosos com nossos investimentos, assim como ser ágil para nos adaptarmos às mudanças. A evolução online fez a venda internacional mais transparente — e nos não competimos tanto com outros revendedores da nossa região, o que faz com que nossos buyers tenham que ser curadores de peças únicas para nossos clientes”, conta Kelly Wond, diretora do moda do Lane Crawford.

 

(mdemulher)

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
Dá Negócio
6651