Rádios On-line
FAMOSOS

Nathalia Dill sobre gravidez: "Parece até mágica"

Atriz, que está grávida de seis meses, diz que é impressionante o momento

10 SET 2020 - 16h:01Por Redação

Surpreendida com a notícia de que estava grávida de sua primeira filha durante a quarentena, a atriz Nathalia Dill tomou uma decisão importante; ser acompanhada por uma doula. Mas afinal de contas o que é uma doula? O que ela faz? Respondendo essas e outras perguntas, OFuxico conversou com exclusividade com a atriz que contou como tem sido esses últimos meses de gravidez, e aproveitamos para falar com a doula da atriz, Camille Fonteneles, que é também consultora de amamentação e fundadora do “Fardo de Ternura”.

Grávida de seis meses, Nathalia explicou que a ideia de ter uma doula surgiu numa conversa entre amigas: “Foi essa amiga, inclusive, que me indicou a minha doula”, disse.

Em entrevista, Camille esclareceu que a função de uma doula é dar suporte durante a gestação, trabalho de parto e pós-parto utilizando recursos de conforto, suporte emocional, alívio físico, técnicas não farmacológicas diversas e informações sobre o sistema obstétrico, com a finalidade de promover o bem-estar em todo este período, mas vale ressaltar que essa função não substitui nenhum outro profissional essencial no atendimento à gestante.

“A doula atua no cenário do nascimento, mas sempre com uma equipe técnica responsável”, explicou.  Como tudo que vem sendo feito, a função da doula no auxílio às gestantes, também precisou de adaptações.

“Desde o início elaboramos protocolos de atuação específicos para o acompanhamento de gestantes, com o objetivo de reduzir os riscos de transmissão e contágio. Todos os eventos (consultas individuais ou coletivas da gestação) estão sendo feitas de forma online. Somente o acompanhamento do trabalho de parto que estão sendo presenciais. Já acompanhamos muitos partos durante este período e estamos felizes com o resultado de todas essas adaptações”, contou.

Com a ideia de ter um parto humanizado, a atriz Nathalia Dill confessou que ainda não sabe se pretende ter o bebê em casa ou no hospital.“Eu ainda não sei sobre isso. Estou decidindo (risos). Ouço relatos lindos tanto de quem teve em casa quanto de quem teve no hospital. O mais importante pra mim é que tudo aconteça da forma mais segura e no tempo certo”, explicou a atriz que vem passando por transformações físicas e psicológicas durante a gravidez.

“Eu senti muito enjoo e cansaço no começo da gestação. Quando passou o terceiro mês, melhorei. Parece até mágica, é impressionante (risos). Fisicamente ainda não senti tantas diferenças. E as pessoas também não (risos). Um dia desses fui fazer uma consulta, fui entrar no elevador e a ascensorista falou que aquele ali era para idosos, grávidas e pessoas com necessidades especiais. Respondi que estava grávida e entrei; ela ficou me olhando desconfiada (risos)”, brincou Nathalia que a cada dia que passa, se aproxima da data do nascimento de Eva, nome escolhido pela atriz e seu marido Pedro Curvello.

“Eu acho que tenho mais uma curiosidade agora. Estou na metade da gestação, ainda tenho um tempinho pela frente (risos). Neste momento, estou me preparando para chegada dela: começando a ver o quarto, o enxoval, trocando com as amigas sobre maternidade, lendo tudo o que eu posso, fazendo cursos. Estou tentando levar uma vida de cada vez, aproveitando cada momento”, disse.

Com informações de OFuxico.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13
  • Programas: