Rádios On-line
SEM PRECONCEITO

Professora de pole dance quebra estereótipos

Roz Mays simplesmente ARRASA no pole dance e ainda tem energia de sobra para rebater os haters que criticam seu corpo.

19 MAI 2017 - 09h:55Por Redação

“Não me importa o seu tamanho, a sua idade, o formato do seu corpo ou as suas habilidades. Nada disso importa. Só é importante que você goste de Beyoncé e que continue tentando”, diz a professora de pole dance Roz Mays, no início de uma entrevista que deu recentemente à Self Magazine. 

Com muito bom humor e sem medo de ser uma mulher fora dos padrões fitness, a americana está quebrando paradigmas com suas habilidades como atleta. E também com o discurso empoderado, que já virou sua marca registrada.

Ela simplesmente arrasa no pole dance, além de trabalhar como personal trainer e como instrutora de dança. E Roz não esconde que sofre ataques constantes de gente que acredita que ela passa uma imagem negativa, por não ter um corpo magro e definido. “É preciso ter muita energia e foco para olhar as pessoas nos olhos quando elas dizem que você é um péssimo modelo de atleta, pois você é uma pessoa acima do peso e essa é a pior coisa que alguém pode ser”.

A moça conta que o que mais parece incomodar essas pessoas é o fato de que ela não se envergonha de ser como é e lida de maneira muito tranquila com o corpo que tem. “É como se eu tivesse a audácia de ser eu mesma”, comenta. Mesmo assim, a atleta garante que as palavras de admiração e apoio são muito maiores do que as críticas.

Para ela, a prática de esportes deve ser encarada como algo que pode melhorar a sua vida e trazer saúde, não como um meio de adequar seu corpo aos padrões de beleza impostos. Simplesmente maravilhosa! 

(MdeMulher)

 

Deixe seu Comentário