Rádios On-line
MODA

Saiba os riscos do salto alto

Como lidar com os riscos e com o uso excessivo

13 NOV 2020 - 08h:35Por Redação

As sandálias e os sapatos de salto alto são itens presentes na rotina de muitas mulheres. As diversas opções existentes no mercado da moda cativam os diferentes gostos e preferências do público feminino. No entanto, poucas mulheres conhecem os riscos do salto alto.

O calçado, além de gerar dores e desconfortos, pode comprometer os movimentos e a saúde dos pés. Para evitar esses problemas, porém, não é preciso deixar de usá-los completamente.

Diante da importância do assunto, trouxemos algumas dicas para que você conheça os riscos que o salto alto pode trazer, além de formas práticas para lidar com o uso excessivo. Acompanhe!

O que o uso do salto pode causar?

Apesar de ser um dos favoritos entre as mulheres, principalmente por transmitir poder e elegância ao visual, o sapato de salto alto pode ser um grande vilão para a saúde dos pés.

O modelo é caracterizado por elevar o calcanhar mais do que os dedos. Logo, o peso do corpo fica depositado na parte dianteira do pé. O desequilíbrio causado na distribuição do peso provoca uma mudança na postura geral do corpo e da primeira junta do tornozelo.

Essa ação, consequentemente, aumenta o risco de torção, além de desencadear outros problemas.

Joanete

O joanete é um problema bastante comum em pessoas que usam sapatos de salto alto. Trata-se de uma deformidade óssea na lateral do dedão do pé. Além de ser incômodo e doloroso, ele pode causar cicatrizes graves.

O problema é causado quando o osso ou o tecido localizado na articulação desloca-se para fora do lugar. O uso constante de sapatos estreitos e com salto alto produz uma pressão anormal nos pés, causando seu surgimento.

Calos e bolhas

Os calos e as bolhas são deformidades causadas por conta do constante atrito dos pés com o calçado. O salto alto, por ser um sapato bem apertado, causa uma fricção entre a pele dos pés com a superfície do sapato, levando ao aparecimento de bolhas e calos.

Além de serem bem dolorosos, o não tratamento dessas condições pode causar sérias infecções, aparecimento de pus no local afetado, inchaços e deformações nos dedos.

Tendinites 

Entre os riscos do salto alto, não podemos deixar de citar a tendinite — inflamação no tendão, ou seja, na estrutura fibrosa que une os músculos aos ossos.

O uso constante do calçado pode prejudicar a musculatura da panturrilha. Consequentemente, contribui para o surgimento da tendinite. Por isso, quem usa frequentemente sapatos de salto sente dores nas pernas.

Problemas de postura

Os riscos do salto alto vão além de problemas nos pés e nas pernas. O uso excessivo do sapato atinge também a postura, causando distúrbios permanentes. Como o salto alto muda o centro de gravidade do corpo, pois há a elevação, a mulher muda a sua postura para compensar e manter o equilíbrio.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13
  • Programas: