Rádios On-line
9247
POR JUSTIÇA!

Família de técnico de computação atropelado pede justiça

Pedro Cássio sofreu acidente na terça, dia 12, e se casa hoje em Três Lagoas

16 NOV 2019 - 12h:23Por Valdecir Cremon

Parentes do técnico de computadores Pedro Cássio da Silva usaram as redes sociais, neste sábado (16), para pedir justiça contra um motorista sem habilitação que provocou um acidente, na avenida Eloy Chaves, no centro de Três Lagoas, na terça-feira passada. As manifestações ocorrem no mesmo dia em que Pedro tem casamento marcado com a estudante de medicina veterinária Angelina Mariana Pereira Alcazas, em uma igreja evangélica da cidade. 

No final da manhã de hoje, Pedro foi a um salão de cabeleireiro aparar a barba e cortar o cabelo para a cerimônia prevista para a noite, na Igreja do Evangelho Quadrangular, do bairro Vila Nova, zona Norte da cidade.

Ele ficou internado desde o dia do acidente, até esta sexta-feira, e passou por uma cirurgia no ombro, além de se recuperar de uma fratura no braço esquerdo. O motorista Leonardo Henrique Pereira de Oliveira, de 23 anos, trafegava na contramão pela rua João Gonçalves de Oliveira e não prestou socorro à vítima. 

Pela internet, a mãe Rita da Silva comemorou que o carro dirigido por Leonardo tenha sido apreendido pela Polícia Civil, mas lamentou que ele esteja solto. "Há relatos de pessoas que já viram aquele carro andando na contramão", disse, 

Leonardo foi identificado na quinta-feira, após o período de flagrante. Ele foi liberado após prestar depoimento e vai responder a inquérito por lesão corporal culposa e omissão de socorro. O advogado dele Jonathan Spada não quis falar com a reportagem sobre o caso. 

Veja reportagem em vídeo.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13